21/03/12

Criatividade o meu santuario

Se  minha criatividade é a minha alma gemea e religiao, está na hora de erguer o santuario. Nada de elaborado, um talisma, um livro, uma foto de algo que gosta. Pode aproveitar e escrever uma "intenção criadora" - porque cada vez que colocamos uma ideia, sentimento ou pensamento em papel, torna-se mais fisico, mais real. Enquanto escrevo o que quero vou sonhando e imaginando os detalhes. Guarde o seu talisma, e va olhando para ele. Vi obter mais força.
eu tenho a sorte de ter o meu "atelier", mas na realidade pouco ou nada lá faço, uso o para arrumar as tralhas, os materiais. Mas tenho um sofá preferido, uma manta preferida, um caderno de graças.

Desde que iniciei esta etapa criativa que uso o caderno das graças, serve para escrever as coisa boas que me acontecem e que eu dou graças por ter vivido, seja o sorriso de um desconhecido, a um dia de sol. A vida tem coisas boas e positivas todos os dias, basta abrir os olhos e deixa-las entrar. Se passar o resto da vida a chorar pelo que não tenho não vou ter capacidade de aproveitar o que tenho, não conseguirei dar valor ás maravilhas que me rodeiam. Sou em priveligiada em muitos sentidos e usar o meu tempo a chover pelo que não tenho vai fazer me perder o que tenho e ai sim, nada terá valido a pena. Essa é a a criatividade que espero para mim, conseguir ver as coisas maravilhosas e positivas e nelas encontrar a força necessaria para mais um dia e outro e outro.

Sem comentários:

Enviar um comentário